Novas regras para o Parto Normal na Saúde Suplementar

Objetivo educacional: 
Prover saberes sobre as novas regras para o parto normal na saúde suplementar
Descrição: 
Recentemente foram divulgadas pelo Ministério da Saúde e pela Agência Nacional de Saúde Suplementar as novas regras para estimular o parto normal na rede privada. O Brasil é o país que mais faz cesariana no mundo. Na rede privada, cerca de oitenta e cinco por cento dos partos realizados são cesáreos. Na rede pública esse índice é de quarenta por cento. A Organização Mundial da Saúde recomenda apenas quinze por cento. Você vai entender quais são as novas regras para os planos de saúde e por que a mentalidade tanto das grávidas quanto dos médicos com relação ao parto normal precisa mudar. A apresentadora Mônica Bittencourt conversou com Renato Sá, obstetra e pesquisador do Instituto Nacional de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente Fernandes Figueira (IFF/Fiocruz). Participantes: Eveline Monteiro, mãe da Alícia e do Angelo.
Autor/Criador: 
FIGUEIREDO, Rafael
PAIVA, Christovão
COSTA, Eduardo
BITTENCOURT, Mônica

Contribuidor:

Editora/Publicador:

Linguagem:

Formato:

Data da publicação: 
08/13/2018
Ano de Publicação: 
2 015
Descrição dos direitos autorais: 
Uso não comercial - Partilha nos mesmos termos 3.0 Não adaptada CC BY NC - SA
Direitos autorais: 
Fundação Oswaldo Cruz
Nível de agregação: 
1-Menor nível
Contexto Educacional: 
Aperfeiçoamento
Público Alvo: 
Médicos, Obstetras, Enfermeiros, Gestantes, Alunos e População em Geral
Status: 
Final