Pertinência, pertencimento, afiliação: conceitos da cultura institucional da educação em saúde - Naomar Monteiro de Almeida Filho

Descrição: 
Áudio da palestra do pesquisador. Logo após descrever o modelo de pós-graduação brasileiro, o pesquisador abordou a formação em saúde no Brasil. Questionou se o nosso sistema de educação superior em saúde dá respostas ao SUS e propôs a seguinte reflexão: "O sistema de saúde faz demandas ao sistema de educação superior. Mas quais respostas o sistema de educação fornece a essa demanda? Formamos pessoas tecnologicamente competentes, criativas, autônomas, resolutivas e capazes de trabalhar em parceria? Temos pessoas engajadas na promoção da saúde e comprometidas com a humanização? Se concordamos que a demanda de formação em saúde implica nesse profissional, qualquer avaliação que façamos coloca a educação superior em saúde como um caso de fracasso. Não pelas intenções, não pelo que se deseja, não pelo discurso; mas pelo efeito concreto. O que importa é o impacto, o que efetivamente ocorre, e não o que se declara", encerrou. A cerimônia, fechada a convidados institucionais, aconteceu no dia 24 de maio de 2011, na Urca-RJ. Arquivo disponível para audição e/ou download no ícone ao lado.

Linguagem:

Formato:

Fonte: 
Arq12404
Descrição dos direitos autorais: 
Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada (CC BY-NC-ND 3.0)