Ceensp: Saúde nas prisões: pesquisa e ações de saúde pública - Tânia Kolker

Descrição: 
Exposição de Tânia Kolker, médica, coordenadora de Reinserção Social dos Hospitais de Custódia do Rio de Janeiro da Secretaria de Estado de Administração Penitenciária do Rio de Janeiro. Os estudos para a formulação de ações que possibilitem a desinstitucionalização e reinserção social dos pacientes internados em Hospitais de Custódia e Tratamento Psiquiátrico (HCTP) foram apresentados pela pesquisadora. O trabalho traça um histórico do marco legal à época da criação dos manicômios judiciários e apresenta o legado de 80 anos de legislação psiquiátrico-penal, como casos de internações que duraram cerca de 20, 30 e até mesmo 50 anos, sem indicação clínica para tal e independente da gravidade do delito. A pesquisadora trouxe ainda resultados do primeiro censo psicossocial da população internada em HCTP, mostrando que 52% dos pacientes eram brancos, 91% era do sexo masculino e 54% dos homens e 75% das mulheres tinha entre 30 e 49 anos. Além disso, 45% dos pacientes foi internado pela prática de homicídio, frequentemente cometido contra familiares. Arquivo disponível para audição e/ou download no ícone ao lado.

Linguagem:

Formato:

Fonte: 
Arq
Descrição dos direitos autorais: 
Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada (CC BY-NC-ND 3.0)