Mitochondrial Genomic and Anthropological Implications.

Descrição: 
Apresentação que trata do estudo de análises morfológicas e antropológicas para identificar os movimentos de migração dos povos que habitavam as Américas. As análises mostraram que as migrações ocorreram por vias terrestres e marítimas e que existiam diferentes rotas dentro dos caminhos percorridos. Relata que a migração dos povos ameríndios, primeiro para a Europa e depois para América do Sul, causou grande perda da variabilidade genética desses povos, entretanto esta pode ser recuperada por meio de estudos feitos no DNA mitocondrial dos ossos encontrados. As amostras utilizadas são derivadas de coleções do Museu Nacional da UNICAMP, do Museu Paraense Emílio Goeldi e de sítios arqueológicos como Lapa dos Boleiros em Minas Gerais e Sambaqui do Moa no Rio de Janeiro, onde foram retiradas as melhores amostras.

Linguagem:

Formato:

Fonte: 
Arq267
Descrição dos direitos autorais: 
Atribuição - NãoComercial - SemDerivados 3.0 Não Adaptada (CC BY-NC-ND 3.0)

Tags (palavra-chave):